» O Jornal Rota do Mar | » Assine Rota do Mar | » Fale conosco | » No Facebook | » No Twitter

Geral

Cárie em adultos é mais comum do que se imagina

Doença, que na maioria das vezes é silenciosa, pode acarretar até em perda de dentes

COMPARTILHE ISSO:

Muito se discute sobre a cárie em crianças devido ao risco proporcionado pelo alto consumo de açúcar e uma higiene oral deficiente. Entretanto, os riscos de uma saúde bucal precária somada ao estilo de vida e, em alguns casos, a outros fatores como idade, genética ou xerostomia (condição de boca seca causada pela falta de saliva), podem trazer consequências agravantes também para os adultos. “A cárie nada mais é do que uma deterioração dos dentes causada pela fermentação de restos de alimentos presentes na boca pelas bactérias, transformando-os em um ácido que corrói o esmalte do dente e ocasionando lesões. Normalmente negligenciado pela maioria das pessoas por ser muito comum, o problema pode trazer consequências mais graves como perda de dentes”, afirma Dr. Paulo Coelho Andrade, mestre e especialista em implantodontia e odontologia estética. O profissional ainda conta que, apesar da cárie geralmente ser indolor, principalmente no início, ela pode tornar-se extremamente dolorosa em alguns casos. Isso ocorre quando ela se alastra pelo dente, chegando à sua polpa, região onde ficam os nervos. “Se não tratada no início, além de destruir o dente, a cárie pode originar um abscesso que só poderá ser tratado através de canal, cirurgia ou até extração do dente”, explica. De acordo com Dr. Paulo, o consumo de alimentos muito doces (com muito açúcar ou amido) e a alimentação várias vezes ao dia sem a higiene bucal correta são os principais fatores que causam cáries. Hereditariedade, escovação errada, localização do dente, idade, xerostomia (boca seca) e transtornos alimentares também podem ajudar a ocorrência do problema. Fonte: Sis Saúde/Naves Coelho/ Priscila Emery

 

Comentários

Comentar esta notícia Comentar esta notícia